Escolher não escolher

O texto “Pra que ler jornal de papel?“, deste blog, foi republicado há algum tempo no Digestivo Cultural. Lá, sugiram alguns comentários interessantes, vale a pena dar uma olhada. O artigo confronta jornal impresso e os meios de comunicação mais jovens, encontrando um valor no antigo que não há no novo. “A internet não é […]

Como fazer um jornal de bairro?

Há algum tempo, o telejornalista global Flávio Fachel, prêmio Esso de 2001, postou no seu twitter 11 dicas para quem quisesse fazer um jornal de bairro. São conselhos que ele tirou da própria experiência: logo depois de formado, implementou um projeto desses e conseguiu uma boa renda. Republico a “receita”, como ele chamou, pela utilidade que pode ter […]

Software Biológico

Na semana passada, cientistas americanos deram vida a uma ex-bactéria, uma célula sem material genético, transplantando a ela um genoma sintético. Diz-se que é um dos maiores feitos científicos da história. Pois bem. No Jornal da Tarde de 21/5, o repórter usou um bom recurso para tornar claro o procedimento dos pesquisadores. Pensando no genoma […]

Pra que ler jornal de papel?

[texto publicado originalmente no Digestivo Cultural] As pessoas em geral parecem pensar uma só coisa a respeito dos jornais de papel (penso em O Estado de S.Paulo, Folha de S.Paulo e semelhantes): eles seriam excessivos. Isso se traduz de muitas formas: ou o jornal é parcialmente ou totalmente desnecessário (porque o leitor se informa por outros meios) ou ele é pesado demais ― […]

A arte contra a natureza

A Piaui #44 perfilou um artista contemporâneo brasileiro, Cadu Costa, apresentando algumas de suas obras. O perfil foi publicado na Esquina, seção de textos curtos e bem-humorados que abre a revista. Meu problema com essa reportagem em particular é que o bom humor dela toda me pareceu ser fundado em preconceitos sobre arte contemporânea. Ao longo do […]

Ideia de Si

Na Bravo! de maio, saiu um perfil do fotógrafo Bob Wolfenson, feito por Armando Antenore. Wolfenson trata da sua arte, mas ao falar dela evidencia uma tensão que é própria do jornalismo como um todo, e talvez do documentarismo e de algumas estirpes da produção artística. Acredito com a mesma facilidade que quando ele fala da […]

Descartes e o Jornalismo

Estive lendo o Discurso do Método, de René Descartes, filósofo francês do século 17, para a graduação em Filosofia, e acabei por garimpar uma série de passagens que podem ser aplicadas ao jornalismo. Seus textos são regras “para a direção do espírito”, “para bem conduzir a própria razão”, e, como disse Claudio Abramo: “o jornalismo é o […]

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo