Telégrafo

“O advento da internet trouxe consigo inumeráveis alegações de que vivemos uma revolução sem precedentes na comunicação, revolução tal que aniquilou nossa concepção da distância. No entanto, a revolução real veio com a chegada do telégrafo no século 19”, diz Susan Schulten, no New York Times, no início de um artigo que analisa as consequências dessa invenção para […]

#tuiteumfilme na Bravo!

João Gabriel de Lima, diretor de redação de Bravo!, escreveu um artigo sobre Pedro Almodóvar, tratando de seu filme mais recente — A Pele que Habito — e das características mais marcantes da obra do diretor. Esqueça o lead tradicional: o jornalista começa o texto com um jogo de adivinha inspirado nas frases curtas do Twitter. […]

Malafaia Vitorioso

Daniela Pinheiro escreveu, para a piauí, um perfil do pastor Silas Malafaia. Ele é líder da Assembleia de Deus — Vitória em Cristo, seus sermões têm enorme influência, televisados ou no templo e sua arrecadação não fica atrás, vinda através de ofertas e doações. Além disso, é conhecido por seus conflitos com movimentos sociais (gay, feminista, […]

As Coisas que Deixei de Ouvir

Em Apresentação ou uma Proposta do Ouvir, prefácio do livro Stagium — As Paixões da Dança, Cássia Navas expõe uma situação de entrevista com um detalhe interessante: uma resposta do entrevistado muda os rumos da conversa, ilumina espaços de exploração além do roteiro inicial. – Que você sente quando entra no estúdio, no primeiro dia da […]

Fazer história

Fábio Seixas, no caderno Motor, da Folha, notou uma tendência do jornalismo. Em “O domingo em que a F-1 evitou fazer história“, escreveu: Acostumamo-nos — jornalistas, em especial — a banalizar o conceito de história, uma saída tão fácil como fútil e narcisista de tentar valorizar o que se relata.“Fulano crava a pole e faz […]

Revelar a Notícia

De vez em quando alguém repara que a São Paulo antiga se desfigura, os prédios imensos tomando o lugar das casas de séculos passados. Talvez tenha surgido daí a inspiração para a pauta de “Três imóveis são demolidos por dia em SP“, matéria do Estadão. O trabalho de reportagem aparece não só na percepção da […]

Cairo fala

Um artigo interpretativo, uma reportagem, uma crônica sobre o Egito. O texto “Greeting the Unthinkable: Mubarak on Trial“, de Anthony Shadid, publicado pelo New York Times (traduzido pelo Estadão, “O Faraó na Jaula: Mubarak no Banco dos Réus“), reúne qualidades desses três gêneros e oferece um panorama das mudanças em curso naquele país. Shadid apresenta […]

Jornalismo-Camaleão

Xico Sá, na crônica “Direito de Imagem e Direito de Queimar o Filme“: No meu ideal de jornalismo, nem entrevistar pessoas é preciso, quanto mais autorização para publicar foto. O ideal — senta que lá vem tese delirante deste blogueiro! — é observar os possíveis personagens, deixá-los falar o que eles já estariam falando naquele […]

Revolta e Mídias Sociais

As recentes revoltas no Egito, assim como a revolução da Tunísia, contaram com expressivo uso das mídias sociais, tanto para mobilização dos protestantes quanto para divulgação dos protestos pelo mundo (o que também ocorreu com Honduras e Irã). Porém, ainda é uma questão aberta se esse uso das redes foi determinante ou assessório às manifestações. […]

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo