O Amor Interrompido de João e Luciana

[experimento em escrita automática #1] João nunca soube o que Luciana iria lhe dizer naquela tarde de domingo. O voo dos tubarões na tarde de sábado já havia destruído qualquer possibilidade de percorrer a cidade com segurança, então a garota não pode vir ao seu encontro. Além disso, as carpas comedoras de eletricidade haviam devorado […]

O Prefeito Daqui

“Ó o tamanho do tumor. Ó: a tela inteira”, equilibrando-se no corredor do metrô com as pernas afastadas, o homem — camisa de botão roxa, calça cáqui, cabelo só ao lado das orelhas — estendeu o celular a uma mulher sentada. Então pegou a menina de três anos, loirinha, serelepe, que estava agarrada às suas […]

Seis por Meia-Dúzia

[publicado no Facebook em 17/4/2016] Em uma das suas viagens, Gulliver chegou a um país sob grande turbulência política. A sociedade se dividia entre os que se vestiam de roxo e verde e os que se vestiam de marrom (os cor-de-rosa, os pretos, os beges pareciam não existir). Os roxo-verdes gritavam em imensas manifestações nas […]

O Título Deste Post É

[O Nome Deste Livro é Segredo, Pseudonymous Bosch] O estúdio Laboratório Secreto fez uma das melhores, senão a melhor, capa para este livro. A transparência em “segredo” faz a palavra desaparecer quando há pouca luz, dificulta a leitura de acordo com o ângulo e distância. A edição brasileira incorpora o mistério; os recuos do narrador quanto ao que contar e ao […]

Escritores, Esses Mussolinis

[O Nome Desse Livro é Segredo, Pseudonymous Bosch, pg.119] “Um fato pouco conhecido sobre Mussolini é que ele também era um romancista. Para mim, isso faz todo sentido. O escritor de um romance é como o ditador do romance; ele faz com que todas as personagens façam exatamente o que ele quer que façam, e digam […]

Uma Corrente Estranha

[Almas Mortas, Nikolai Gogol, página 76, Nova Cultural, 2003] “Mas por que será que, no meio dos momentos mais leves, alegres e despreocupados, ás vezes surge por si mesma uma corrente estranha? O riso ainda nem teve tempo de se apagar do nosso semblante, e já nos transformamos em outro, entre as mesmas pessoas, e já […]