Categoria: Artes & Ideias

A Casa é como Gente

Minidocumentário sobre a Casa do Sol, residência da escritora Hilda Hilst, para o site da Ocupação Hilda Hilst, exposição que homenageou a autora no Itaú Cultural de fevereiro a abril de 2015. [youtube=https://www.youtube.com/watch?v=OAPr0I241PA]

Reencontrar-se no Outro

Em um poema sem nome, Ana Martins Marques diz: “é bom encontrar uma vez ou outra pessoas que conhecemos na infânciaé bom nos esforçarmos por um tempopara parecer com a lembrança delas (…)” [“A Sereia e o Centauro”, Ana Martins Marques, revista piauí, nº100, janeiro/2015]  O deslocamento de subjetividade sugerido nos versos deste poema foi […]

“A last minute save” — no “Decamerão”

[Decamerão, Giovanni Bocaccio, páginas 279-280, editora Abril, 1981] Já no século 14, uma cena de “foi por pouco!”, típica de, por exemplo, filmes de aventura: “Ao vir a madrugada, Agnolella escutou um tropel de pessoas que passavam. Por esta razão levantou-se; foi ter a um grande pátio que havia por trás da pequenina casa; vendo, […]

O Caos é uma Escada

[Game of Thrones, 3ª temporada, episódio 6, “The Climb”, a partir de 48’] “Chaos isn’t a pit. Chaos is a ladder. Many who try to climb it fail and never get to try again. The fall breaks them. And some are given a chance to climb, but they refuse. They cling to the realm or the […]

Gogol Petroleiro

[Almas Mortas, Nikolai Gogol, páginas 402-408, Nova Cultural, 2003] A Folha noticiou: “A presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, anunciou que a empresa está estudando criar uma nova diretoria, para assegurar o ‘cumprimento de leis e regulamentos internos e externos’”. A medida me lembrou um trecho de Almas Mortas, de Nikolai Gogol. O protagonista, Tchítchicov, encontra um […]

Nieztsche Amazônico

[O Império da Amazônia, Pedro Cavalcanti, página 54, Cia. das Letras, 1995] Uma descrição do anoitecer amazônico que lá pelo terceiro parágrafo encontra Nietzsche: “Para quem não está acostumado, o cair da tarde no meio da mata fechada, com rio passando perto, é mesmo de arrepiar. As sombras vêm avançando e vai dando aquele aperto […]